Tremoço: o que é, benefícios e como consumir (com receitas)

HomeLifestyle

Tremoço: o que é, benefícios e como consumir (com receitas)

O tremoço é uma leguminosa que promove muitos benefícios para a saúde, como ajudar a diminuir o colesterol “ruim”, promover o ganho de massa muscular, controlar o peso corporal, melhorar o humor e manter a saúde dos ossos.

Os benefícios do tremoço são possíveis porque essa leguminosa é rica em proteínas e triptofano, além de ser uma boa fonte de fibras e minerais, como magnésio, fósforo, zinco e ferro.

Leia também: Leguminosas: o que são, benefícios, exemplos e como consumir


tuasaude.com/leguminosas

O tremoço tem um sabor amargo, podendo ser preparado cozido e usado em preparações como saladas, ensopados, pasta, sopas, hambúrguer vegetariano, falafel, homus e tortas. Além disso, o tremoço também é encontrado na forma de farinha, sendo usado em receitas como bolos, pães, biscoitos, panquecas, sucos e vitaminas.


Principais benefícios

Os principais benefícios do tremoço para a saúde são:

1. Diminuir o colesterol “ruim”

O tremoço é uma leguminosa que ajuda a diminuir os níveis de colesterol “ruim”, LDL, no sangue, porque é fonte de fibras que reduzem a absorção de gordura a nível intestinal, regulando a sua concentração no organismo a longo prazo.

Leia também: Colesterol ruim (LDL): o que é e como saber se está alto


tuasaude.com/colesterol-ldl

2. Ajudar no ganho de massa muscular

Por ser um alimento rico em proteína e ferro, o tremoço melhora a oxigenação, a disposição física e atua na formação das células musculares, ajudando no ganho de massa muscular. Confira todos os benefícios das proteínas para a saúde.

3. Evitar a diabetes

As fibras, presentes em ótimas quantidades nos tremoços, ajudam a diminuir a velocidade de absorção dos carboidratos presentes nos alimentos, equilibrando os níveis de glicose no sangue e ajudando, assim, a evitar a resistência à insulina e a diabetes.

4. Diminuir o risco de câncer

O tremoço contém flavonoides, ácidos fenólicos e carotenoides, que são compostos bioativos com ação antioxidante e anti-inflamatória que protegem as células saudáveis do corpo contra os danos causados pelos radicais livres, ajudando a diminuir o risco de câncer.

Além disso, os tremoços também são fontes de fibras que equilibram a flora intestinal e o bom funcionamento do intestino, diminuindo o risco de câncer do intestino.

5. Ajudar no controle do peso

Por ter boas quantidades de fibras, o tremoço aumenta o tempo de digestão dos alimentos no estômago, prolongando a saciedade e ajudando, assim, no controle do peso corporal.

Além disso, os tremoços possuem baixo índice glicêmico, que controlam a glicemia, prolongando a saciedade, diminuindo a fome entre as refeições e ajudando, assim, na perda de peso.

Leia também: Índice Glicêmico: o que é e como saber o índice dos alimentos


tuasaude.com/indice-glicemico

6. Evitar a anemia

Por conter boas quantidades de ferro, um mineral que ajuda na produção das células vermelhas do sangue, o tremoço ajuda a evitar a anemia. Além disso, o tremoço também contém isoleucina, um aminoácido que é importante para a formação da hemoglobina.

No entanto, para que o organismo absorva o ferro dor tremoços, é importante que consumí-los junto com frutas ou vegetais fontes de vitamina C, como caju, goiaba e rúcula, um nutriente que é necessário para a absorção do tipo de ferro presente neste grão.

7. Combater a prisão de ventre

O tremoço ajuda a combater a prisão de ventre por ser uma boa fonte de fibras, um nutriente que ajuda no aumento do volume das fezes e estimula os movimentos naturais do intestino, facilitando a evacuação.

Leia também: Dieta para prisão de ventre: o que comer e cardápio para soltar o intestino


tuasaude.com/dieta-para-prisao-de-ventre

8. Regular o humor e o sono

O tremoço possui boas quantidades de triptofano, um aminoácido que é fundamental para a produção de serotonina, um neurotransmissor que ajuda a regular o humor, o sono, a ansiedade e a memória.

Além disso, o magnésio presente no tremoço também melhora o humor e diminui o risco de depressão, pois participa de diversas funções do sistema nervoso central.

9. Manter a saúde dos ossos

O fósforo e magnésio, presentes em ótimas quantidades no tremoço, ajudam a manter a saúde dos ossos por atuarem na formação e manutenção óssea, além de contribuírem na concentração de paratormônio e da vitamina D, que são essenciais para regular a formação dos ossos.

Leia também: 9 alimentos que ajudam a fortalecer os ossos


tuasaude.com/3-alimentos-para-fortalecer-os-ossos

10. Fortalecer o sistema imunológico

Por ser uma boa fonte de zinco, um mineral que participa no desenvolvimento e manutenção das funções das células de defesa, o tremoço fortalece o sistema imunológico,  protegendo o organismo contra doenças causadas por vírus, bactérias e fungos.

Além disso, os aminoácidos isoleucina, leucina e valina

11. Ajudar na cicatrização

O tremoço ajuda na cicatrização por conter leucina, valina e isoleucina, aminoácidos que promovem a formação de novos tecidos, células, vasos sanguíneos e colágeno. Confira outros alimentos que ajudam na cicatrização.

Já o zinco, também presente nos tremoços, ajuda na produção de adesão do colágeno na pele, além de ter ação antioxidante e anti-inflamatória.

12. Manter a saúde da pele e cabelos

Por conter zinco, o tremoço mantém a saúde da pele, porque combate o excesso de radicais livres no organismo, prevenindo o envelhecimento precoce. Além disso, o zinco também mantém a saúde dos cabelos, porque atua no crescimento, desenvolvimento e reparo dos fios, fortalecendo e evitando a queda de cabelos.

Já as proteínas presentes no tremoço dão firmeza à pele, mantendo a saúde da pele, prevenindo a flacidez e o surgimento de rugas e marcas de expressão.

Tabela de informação nutricional

 A tabela a seguir traz a informação nutricional de 100 g, o que equivale a cerca de 5 colheres de sopa, de tremoço cozido:

É importante ressaltar que, para se obter todos os benefícios do tremoço, essa leguminosa deve fazer parte de uma alimentação saudável e variada, associada a prática regular de exercícios físicos.

Se deseja saber como incluir o tremoço numa dieta saudável, marque uma consulta com o nutricionista mais perto de você:

Cuidar da sua saúde nunca foi tão fácil!

Marque uma consulta com nossos Nutricionistas e receba o cuidado personalizado que você merece.



Marcar consulta

Disponível em: São Paulo, Rio de Janeiro, Distrito Federal, Pernambuco, Bahia, Maranhão, Pará, Paraná, Sergipe e Ceará.


Foto de uma doutora e um doutor de braços cruzados esperando você para atender

Como consumir

O tremoço pode ser preparado cozido, podendo ser consumido puro ou usado em preparações como saladas, ensopados, pasta, sopas, hambúrguer vegetariano, falafel, homus e tortas.

Além disso, o tremoço também pode ser usado da forma de farinha, em receitas como bolos, pães, biscoitos, panquecas, hambúrguer, sucos e vitaminas.

Receitas saudáveis com tremoço

Algumas receitas saudáveis e saborosas com tremoços são:

1. Salada de tremoços

Ingredientes:

  • 1 xícara (de chá) de tremoço em conserva;
  • 1/2 cenoura crua;
  • 1/2 abobrinha pequena crua;
  • 1 cebola média;
  • 1 colher (de sopa) de suco de limão;
  • 1 colher (de sopa) de cheiro-verde picado;
  • 1 colher (de sobremesa) de azeite;
  • Sal e pimenta do reino a gosto.

Modo de preparo:

Lavar bem a cenoura e a abobrinha, ralar e reservar. Cortar a cebola e cubos pequenos. Numa tigela, colocar todos os ingredientes, misturar bem e servir em seguida.

2. Homus de tremoços

Ingredientes:

  • 300 g tremoço em conserva escorrido;
  • Suco de 1/2 limão;
  • 1 dente de alho cru;
  • 1 colher (de sopa) azeite;
  • Sal e pimenta-do-reino a gosto.

Modo de preparo:

Colocar todos os ingredientes num liquidificador ou processador, e bater por 3 minutos ou até formar uma pasta bem homogênea. Transferir para uma travessa e servir em seguida.

Leia também: Homus: 9 benefícios e como fazer (com receitas)


tuasaude.com/homus

Fonte: clique aqui.

Você gostou desse conteúdo? Compartilhe!

COMMENTS