HomeSalvador

Salvador e PNUD firmam parceria para melhoria dos serviços prestados aos usuários do SUS

Foto: Comunicação/PNUD

A Prefeitura de Salvador e o Programa das Nações Unidas para Desenvolvimento (PNUD) assinaram um termo de cooperação para fortalecimento do sistema de saúde da capital baiana. O compromisso foi firmado na quarta-feira (21), na Casa ONU Brasil, em Brasília (DF).

Com prazo de quatro anos, a iniciativa vai beneficiar a população usuária do SUS, através do mapeamento do cuidado em saúde, melhoria dos serviços especializados e da gestão de recursos, dentre outras ações. Para isso, serão estabelecidas estratégias focadas na melhor gestão dos serviços especializados, por meio da identificação de experiências de outros municípios em regulação de serviços de média e alta complexidade; bem como desenvolvidos protocolos clínicos e operacionais para a organização desses serviços e seu monitoramento. Já para uma melhor gestão orçamentária, será implementado um Núcleo de Economia da Saúde. 

Na ocasião, a vice-prefeita e titular da SMS, Ana Paula Matos, destacou que oferecer uma assistência humanizada e cada vez mais qualificada é uma missão permanente da SMS. “Este é mais um passo nessa direção, uma vez que a parceria permitirá entender melhor a situação da saúde no território e construir uma gestão baseada em evidências, com administração adequada, resolutiva e eficaz. Isso envolve planejamento e execução de estratégias de diferentes setores, inclusive orçamentário. Nosso foco é fortalecer Salvador como a capital da Saúde, com eficiência em gestão, economia e aplicabilidade”.

A gestora elencou os pontos de qualificação e trabalho a serem melhorados a partir da experiência de parceria com o PNUD. “Na sustentabilidade e resiliência do sistema local de saúde, por exemplo; no avanço da gestão orçamentária e financeira; bem como pela qualificação do acesso aos serviços básicos e especializados; maior foco nas iniciativas de promoção dos direitos humanos, além de possibilitar ferramentas para o progresso da igualdade de gênero e a autonomia das mulheres que necessitam dos serviços de saúde”, citou.

Durante a assinatura, o representante-residente do PNUD no Brasil, Claudio Providas, falou sobre as atividades da organização. “Trabalhamos com muitos parceiros no nível local e 18 ministérios no âmbito federal. Mas é no nível local onde temos resultados concretos, é nas cidades em que a distância com os nossos clientes, a população brasileira, se encurta”, destacou.

Também estiveram presentes na cerimônia de assinatura a assessora de articulação institucional, Zaida Melo; o assessor técnico da pasta, Felipe Fagundes; o representante-residente do organismo internacional PNUD, Claudio Providas; o representante do escritório de projetos do PNUD em Salvador Leonel Leal Neto; e a representante da Agência Brasileira de Cooperação do Ministério das Relações Exteriores, Alda Alves.

COMMENTS