Estudo mostra que uso de cigarro eletrônico causa inflamação em diversos órgãos

22

Um estudo da Universidade da Califórnia, em San Diego, aponta que o uso diário de cigarros eletrônicos, popularmente conhecidos como "vapers", altera o estado inflamatório de diversos órgãos, entre eles o cérebro, coração, pulmões e cólon. A pesquisa foi publicada na revista científica eLife na última terça-feira (12). Os autores do estudo analisaram cigarros eletrônicos da marca Juul, nos sabores menta e manga. Camundongos adultos foram expostos ao aerossol formado pelo vape três vezes por dia, durante três meses. Os cientistas encontraram os principais sinais de inflamação no cérebro, inclusive em uma região do órgão responsável pela motivação e processamento de recompensas. Inflamações nessa área estão ligadas à ansiedade, depressão e abuso de substâncias. No cólon, a parte do gene que é ligada a inflamação, também foi aumentada. O sinal pode aumentar o risco de doenças gastrointestinais. Já no coração, a inflamação diminuiu, mas isso não é uma boa notícia. Segundo os cientistas, essa alteração pode deixar o tecido cardíaco vulnerável, e o ideal é um equilíbrio. O sabor do cigarro eletrônico também faz diferença. Os camundongos que foram expostos ao sabor menta, ficaram mais sensíveis aos efeitos da pneumonia bacteriana que os que utilizaram o vape de manga.Fonte: Bahia Notícias