Em meio a cerco do STF, Bolsonaro silencia sobre golpe de 64 – 31/03/2024 – Painel

HomePolítica

Em meio a cerco do STF, Bolsonaro silencia sobre golpe de 64 – 31/03/2024 – Painel

Em meio a um cerco judicial e à acusação de que tramou um golpe, o ex-presidente Jair Bolsonaro se manteve em silêncio sobre a efeméride dos 60 anos da derrubada do presidente João Goulart por militares, em 1964.

A postura cautelosa contrasta com a adotada por Bolsonaro no passado, em que costumava tecer elogios ao evento que deu início à ditadura.

Em 21 de novembro de 2013, por exemplo, ele foi o único deputado federal a se posicionar de forma contrária na sessão do Congresso Nacional que simbolicamente anulou o ato legislativo que destituiu Goulart, em 2 de abril de 1964.

Ele citou que naquela data houve uma sessão em que a vacância da Presidência foi aprovada por ampla maioria de deputados.

“Não houve um golpe. Não entendo por que essa Casa quer apagar um fato histórico. Isso é infantil. É mais do que stalinismo, que apaga fotografias. Estão querendo apagar sessões do Congresso”, discursou.


LINK PRESENTE: Gostou deste texto? Assinante pode liberar cinco acessos gratuitos de qualquer link por dia. Basta clicar no F azul abaixo.

Fonte: clique aqui.

Você gostou desse conteúdo? Compartilhe!

COMMENTS