Manter o ritmo da aceleração digital atual pode demandar tempo, dedicação e uma análise minuciosa. A incorporação de novas ferramentas e investimentos intensifica a complexidade e a vulnerabilidade dos ambientes de segurança empresarial, expondo brechas na comunicação e colaboração, gerando sistemas isolados e diminuindo os tempos de resposta. 

Para salvaguardar a empresa diante do cenário de ameaças cada vez mais sofisticado, a Fortinet lançou o e-book “Cinco erros comuns ao convergir segurança e rede”, com o objetivo de ajudar empresas a abordar os desafios de cibersegurança com mais eficiência.

Segundo a publicação, a arquitetura de segurança deve ser abrangente o bastante para reduzir os riscos em toda a superfície de ataque digital, integrada de modo a fechar as lacunas de segurança para potencializar a eficiência e agilizar os tempos de resposta.

Os “cinco erros comuns” destacados no e-book são elementos que podem prejudicar a tomada de decisão de soluções assertivas em segurança de TI. Eles incluem confiar demais em dispositivos, avaliar plataformas de nuvem e segurança em silos, focar na prevenção em vez da detecção, expandir a conectividade sem segurança convergida e não implementar um ecossistema completo.

“A colaboração com parceiros de inteligência de ameaças é essencial para aumentar a visibilidade e a detecção de ameaças, permitindo respostas coordenadas e eficazes contra ameaças cibernéticas”, afirma Cristiano Oliveira, VP da Brasiline Tecnologia.

A publicação defende também que diminuir a complexidade vai além da simples implementação da tecnologia adequada: também envolve a integração eficaz dessas tecnologias. Esse processo tem início com a convergência da rede com a infraestrutura de segurança, seguido pela adoção de uma abordagem de plataforma que reduz a necessidade de múltiplos fornecedores na composição da solução. 

O resultado esperado é um ambiente integrado que minimiza lacunas de segurança, proporcionando prevenção e respostas coordenadas em todas as fases do ciclo de vida do ataque.

Para mais informações, basta acessar: https://brasiline.com.br/ ou seguir @brasilinetecnologia

299342?partnerId=3799