Após onze edições, com o objetivo de expandir o evento para outras cidades brasileiras e outros países no mundo, a família Conte e Gawendo, que administra a Tattoo Week, decidiu dar um novo passo, a partir da entrada de um novo sócio, que promete fazer grandes mudanças.

O novo sócio e parceiro que estará junto ao projeto é Alan Spadone, micropigmentador, que criou uma grande academia de micropigmentação, referência na América Latina. Já formou mais de 100 mil profissionais da micropigmentação de forma presencial e 80 mil online, tem base em 22 países e possui mais de 100 unidades de franquias no país.Também fabrica e comercializa produtos com a marca própria. Ele migrou do marketing do mercado farmacêutico para a micropigmentação.

“Vamos promover uma grande mudança. Podem esperar, que vem muita coisa boa vindo por aí”, enfatiza o novo sócio, que será o CEO da empresa e pretende trazer governança para o evento em todas as áreas como marketing, jurídico, administração, etc.

Segundo Spadone, a família Conte e Gawendo, idealizadora do projeto, continua sendo a cabeça e a cara da Tattoo Week. O contrato já está assinado e o novo sócio assume logo após a realização da Tattoo Week Rio, que acontece nos dias 19, 20 e 21 de janeiro de 2024, no Rio de Janeiro.

Enio Conte, idealizador da Tattoo Week, se emociona diante da concretização de um sonho. “Abrimos portas no mercado, lutamos contra preconceitos e resistências de patrocinadores. Agora, em tamanho gigante, sentimos a necessidade de uma nova gestão. Com a parceria, acredito na governança profissionalizada, na melhoria e no crescimento do evento para o Brasil e o mundo. Sempre tendo como meta a valorização da arte da tatuagem e dos tatuadores”, destaca.

Universidade da tatuagem

Após a realização da Tattoo Week Rio, Spadone assume como CEO da Tattoo Week. “Será uma nova era na Tattoo Week. Traremos para o projeto tudo que há de melhor no mundo e vamos valorizar ainda mais a arte e o mercado da tatuagem”, revela Spadone.

Grandes investimentos serão feitos na área educacional para elevar o nível da tatuagem, criando uma plataforma digital educacional voltada ao tatuador. Uma “universidade da tatuagem”, para ensinar os profissionais a trabalharem o marketing digital, gestão, biossegurrança e muito mais.

“Quero que por meio da minha expertise e experiência na micropigmentação, consiga somar na Tattoo Week, para dar início a uma nova era na tattoo. Tudo o que fiz e construí até hoje através da micropigmentação, quero trazer também para a Tattoo Week. Quero transformar a Tattoo Week, em um Lollapalooza, para ampliar o público e trazer tudo o que seja possível agregar a esse crescimento, como por exemplo, trazendo atrações cada vez mais incríveis ao evento e melhorando a qualidade da premiação aos profissionais”, enfatiza.

Ampliação

A nova gestão pretende levar a Tattoo Week para outras partes do país e para outros países. A partir desta parceria, a ideia é elevar a marca Tattoo Week em nível internacional, trazendo linhas de produtos e licenciamento. “Quero ouvir o que os tatuadores têm a dizer, como podemos melhorar, que tipo de premiação eles acreditam que seja a ideal, o que gostariam que mudasse. Essa troca será fundamental nessa virada de chave da Tattoo Week”, afirma o novo CEO.

Esther Gawendo, atual CEO da Tattoo Week, trouxe ao evento o seu lado feminino, criando ações sociais relevantes como a doação de micropigmentação de sobrancelhas e aréolas para pacientes oncológicas; doação de tatuagens de segurança para pacientes crônicos entre outros projetos como a instalação de uma área kids no evento. “Todas as ações sociais vão prosseguir e serão ampliadas. A Tattoo Week mostra que a tatuagem pode salvar vidas e projetos podem estar conectados ao apoio de causas sociais como mulheres que sofrem violência, refugiados ou ações de sustentabilidade. Tudo isso será ampliado”, garante.

297063?partnerId=3799